Grafia

A Autora deste Blogue optou por manter na sua escrita a grafia anterior ao Novo Acordo Ortográfico.

terça-feira, 21 de outubro de 2008

Os meus Posts, os Vossos Comentários

Eu adoro escrever. Adoro escrever para ser lida. Para ser lida e comentada. Gosto de saber o que os outros pensam do que escrevi, independentemente de pensarem bem ou mal. Isso para mim não é o mais importante. O importante é que escrever é um exercício que se deve praticar diariamente para que as palavras não morram, os acentos não se baralhem, as pontuações não caiam no esquecimento. O Blog deu-me e continua a dar-me esse espaço de exercício, de prática, de vontade de ver palavras a aparecer, de ver frases a nascer. Quando os primeiros comentários começaram a aparecer, eu nem queria acreditar! Esta coisa da blogoesfera funcionava mesmo. Apareciam pessoas que eu conhecia, mas também muitas que eu nem sabia quem eram...e fui-me habituando a estas amizades virtuais que por aqui vão deixando marcas da sua passagem. Eu, pelo meu lado, não me sinto obrigada a responder aos comentários um por um, individualmente. Acho, quando há um ou outro que me tocam mais, mais simpático enviar um mail pessoal a agradecer as palavras escritas. Não gosto de olhar para o meu blog e ver muitos comentários que realmente não passam de conversa entre o autor e os comentadores. Por isso, não me levem a mal e continuem por cá! Convidem outros a vir e a comentar. Deixem as vossas opiniões sinceras sobre o que vou escrevendo para que eu possa melhorar e não se esqueçam "Isto sem vocês não teria graça nenhuma"...

11 comentários:

inespimentel disse...

Também eu gosto de escrever, em 1º lugar é isso mesmo; depois gosto de me reler, não por narcisismo talvez porque, como leitora da escritora que invento, me possa reinventar! Depois adoro ler os comentários, gosto de explicar qq coisa que me pareça boa de esclarecer, gosto de sacudir a poeira que deixam e gosto sobretudo de sentir que não estou só... é que, estas partilhas, ainda que virtuais, são um minmo que muita falta me faz.

Gi disse...

Aqui estou para te dizer quer gosto do que escreves; que gosto quando escreves; que quando não escreves, sei que qualquer coisa não vai bem; que quando não me comentas também sei.
Há pessoas, mesmo virtuais, a quem vamos adivinhando as rotinas e os hábitos;
há umas com quem temos mais empatia que outras.
Eu, por exemplo, tenho poucos comentários nomeu blogue; já me importei mais com isso; agora já não;
Divirto-me a escrever e, vou tendo algumas belas surpresas, como a que tive hoje.
Tenta ficar bem.

Ka disse...

O teu blog é teu, fazes dele o que quiseres...éassim que encaro o meu!

No meu por exemplo habituei-me a responder individualmente mas sempre que vou a outro não conto com isso. Comento se acho que acrescento alguma coisa mas não espero resposta pois aqui na blogosfera não há obrigações :)

Beijinhos

ps - importante mesmo é que continues a escrever que gosto de te ler :)))

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Confesso que comecei a escrever para mim ( um hábito antigo no papel e que decidi partilhar se houvesse interessados em ler o que escrevo) e nos primeiros tempos era raro ter um comentário. Quando começaram a surgir fui respondendo e ficou-me esse hábito.
Compreendo perfeitamente que nem sempre se pode responder e, por vezes, nem sequer há o que responder.
Venho aqui com muita frequência, mas raras vezes comento, porque também não gosto de o fazer só para picar o ponto.Esteja à vontade, portanto.
Conchinhas

Júlio disse...

Embora não comente muito, por cá continuo a passar e a ler, sobretudo porque me agrada. Por isso, por cá continuo, marque presença na caixa de comentários, ou não. :)

Patti disse...

O que disse a Gi está certo, em relação a ti e ao blog. Já vamos descobrindo mais ou menos como são as pessoas no blogobairro e como são os seus hábitos. Vê-se que gostas de escrever, porque o dizes muitas vezes e deves continuar a fazê-lo se isso te dá prazer.

Quanto aos comentários, nem sempre o fazemos por variadíssimas razões, tal como tu concerteza muitas vezes também não comentas os nossos blogs. Ou não te apetece, não lês nesse dia, não tiveste tempo, não tens nada a acrescentar, não gostaste, ou preferiste não o fazer por outra qualquer razão. Por isso da mesma maneira que tu nem sempre comentas, pode haver também outras pessoas que também te lêem e não te comentam.

Responder a esses comentários é igual, cada um faz como acha melhor e ninguém tem de opinar coisa nenhuma, estou com a Ka. O blog é nosso e fazemos o que entendemos. Eu não tenho sempe disponibilidade para responder a todos, todos os dias e nem sempre o quero fazer porqeu já expus o que queria no post e penso que a caixa dos comentários é para os leitores. Se sentir necessidade de alguma intervenção faço-o, mas por norma não.

Eu por exemplo ainda estou a descobrir porque é que escrevo.
Gosto e sinto-me bem, mas não deve ser só por isso. Logo se verá.

Anónimo disse...

Percebo perfeitamente a necessidade de escrever, mas eu nunca tive coragem de, primeiro, escrever e depois ler o que escrevi... Sempre me senti ridicula! Parvoices... Mas ja estive mais longe destas andancas! Vou contentando-me, por enquanto, com os textos alheios!
Mas a minha necessidade de escrever passa tambem pela necessidade de sentir o papel e a caneta / esferografica / lapis... E de ver a minha letra... E muito bom "manuescrever"!
Na minha modesta opiniao, acho que deves continuar a escrever independentemente do que pensam!
(Tudo isto foi sem acentos, porque o teclado nao esta preparado para portugues!)
Beijos

Gigi disse...

Percebo quando dizes 'isto sem vocês não teria graça nenhuma', porque sei que escrevo para outros lerem. É por isso que valorizo os comentários e respondo sempre a quem comenta os meus post's.
Considero muito bom responder aos leitores, no entanto, não espero que a quem eu comento me responda pois nem todos os blogger's veêm a 'coisa' desta maneira , tal como se lê neste teu post.
bjs

KatWoman disse...

Que gostas de escrever parece-me evidente. Que escreves bem e ainda conseguirás escrever melhor é certo e seguro.
Não entendo e até discordo quando afirmas que não gostas de olhar para o blog e "ver muitos comentários que realmente não passam de conversa entre o autor e os comentadores".
Para mim, um blog é precisamente isso! Alguém que escreve e espera os comentários dos outros. Tens, claro, todo o direito de responder ou não, tal como o leitor tem o direito de comentar ou não.
No meu ver, é precisamente essa "tertúlia" que permite, neste mundo virtual, o conhecimento mútuo.

Bjs
Kat

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Blog Widget by LinkWithin