Grafia

A Autora deste Blogue optou por manter na sua escrita a grafia anterior ao Novo Acordo Ortográfico.

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Ecos do Sul # [2]

Eu e a minha Máquina,
Algarve, Agosto 2009
I.
Lindo. Jesusalém. Se é possível sentirmo-nos dentro de um território nunca pisado, então foi como me senti ao ler este livro. As palavras. As pessoas. Os sentimentos. Tudo me tocou tão fundo que quando o terminei parecia que estava a viver naquele território inventado por alguém que teve necessidade de sair do território habitado por todos.
II.
Lindo. No Teu Deserto. Uma história de amor que não chegou a ser, porque há alguns sentimentos que só podem acontecer em determinadas circunstâncias, em determinados momentos.
III.
Aqui o Mar é enorme. A perder de vista, encosta-se ao Céu e prolonga-se no azul. Entro dentro de água sem sensação de arrepio. Ando, mar fora, olhando a areia do fundo que a transparência do azul esverdeado me permite observar. Ando até a água me cobrir os ombros. Deito-me e nado. Ainda embalada pelas palaras acabadas de ler. Dum território inexistente e maravilhoso. Vou nadando. Deixo-me envolver, porque a água é densa, parece seda em que me vou enrolando...
Sabes como é?
Pertenço ao Mar.

3 comentários:

Su disse...

lindo


deixei-me envolver

e nadei....nadei.....pq tb pertenço ao mar



jocas maradas........e boas ferias

Filoxera disse...

Lindo é o teu post.
Beijo.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Muito boas férias. Continue a enviar essas belas fotos.

Blog Widget by LinkWithin