Grafia

A Autora deste Blogue optou por manter na sua escrita a grafia anterior ao Novo Acordo Ortográfico.

sexta-feira, 11 de março de 2011

Ténis, Sneakers, Whatever...[fala-se de pés e de como os calçar!]

Daqui
Eu gostava de gostar de andar de ténis.
Não propriamente destes ténis grandalhões de cheios de atacadores que sobram por todos os lados, mas daqueles ténis que fazem o pé pequenino (o que para mim já seria formidável, dado o número 40 que me calça os pés), que parece que fazem com que levitemos, que nos fazem parecer leves e altamente desportistas. Era desses ténis que eu gostava de gostar, de me sentir confortável neles, mas não há nada a fazer. Ténis não são para mim. De vez em quando, quando se aproxima um dia de aniversário ou mesmo o Dia da Mãe, ainda me ponho a pensar que seria bom que me oferecessem uns All Star. Adoro-os vermelhos, bota, e todos aqueles de edições especiais que custam um balúrdio mas que só de calçar nos transformam numa pessoa muito à frente. Eu gostava de gostar de andar de ténis, mas não consigo! Quem me tira as minhas botinhas tira-me tudo. De salto alto ou de salto raso, de cano alto ou apenas botinhas com sola de borracha, a fazer lembrar ténis. Depois, bem depois é aquela coisa de ter de andar minimanente apresentável, sempre. A imagem vende muito! Mas há pessoas altamente vendáveis, mesmo de ténis. Não percebo este meu problema de relacionamento com o calçado universal do sec. XX e XXI. Dantes, quando eu era miúda e teen, os ténis eram só para fazer ginástica. Depois apareceram os Sanjo brancos que eram o topo do fashion style. Nunca tive nenhuns. Nunca andei de ténis. "os ténis são uma porcaria, isso aquece imenso os pés, isso é de pano, queres ir para a rua com isso e ficar com os pés todos encharcados?" eram os argumentos de Pais e Avós para nos demoverem deste calçado. O que é certo é que na minha cabeça, o argumento anti ténis pegou e pegou forte!
Já passou o Dia Internacional da Mulher (cá em casa tive de ser eu a lembrar a quantas andávamos, sabe-se lá porquê!), caminhamos para a Páscoa e para o Dia da Mãe. Pode ser que alguém me ofereça uns All Star bota vermelhos! Eu gostava tanto de gostar de andar de ténis.

3 comentários:

Luísa disse...

Pois eu, Vera, desde que pus uns nos pés, nunca mais os tirei. Isto porque ando quilómetros na nossa belíssima mas traiçoeira calçada portuguesa. E há-os, de facto, que nem parecem ténis! ;-)

Belita disse...

Se não te derem, pode ser que compres cá, na praça. Podem é chamar-se Alls Tar mas serão seguramente mais baratos! :))

Su. disse...

Fantastico, nunca conheci ninguém que não gostasse de andar de sapatilhas! Sim, como moçambicana, não me consigo habituar a chamar as sapatilhas de ténis, para mim ténis é um jogo e pronto.... agora lembrei-me que a primeira vez que ouvi tal fiquei mesmo confusa, tinha chegado a Portugal e como jogava ténis fiquei com cara de parva a pensar como raio vais comprar ténis! ahahah ainda me lembro da minha expressão de espanto.

O bom mesmo é sermos todos diferentes, certo?

BjBj

Blog Widget by LinkWithin