Grafia

A Autora deste Blogue optou por manter na sua escrita a grafia anterior ao Novo Acordo Ortográfico.

segunda-feira, 23 de março de 2009

Corpo meu, corpo teu...

Corpo trazido daqui

Se eu te desse o meu corpo, que lhe farias? Limitar-te -ias a olhá-lo? Ousarias tocar-lhe, percorrê-lo milímetro a milímetro, tentando aprender de uma só vez o que o faz estremecer? Se eu te desse o meu corpo, vesti-lo-ia para ti. Quereria que mo prendesses nos teus braços, que mo envolvesses e protegesses. Sem palavras de desejo. Quereria que te encostasses a mim e me sentisses respirar. Respirar-te-ia. Sentir-te-ia. Iria sentir o teu perfume e enebriar-me nele. Iria ficar anichada nos teus braços, deixando cair a minha força aos pés como se de uma capa se tratasse. Não mais seria "a forte", porque quereria ter-te sempre a proteger-me. Dar-me-ia sem disfarces, sem reservas, sem protecção. Diz-me. Se eu te desse o meu corpo, que lhe farias?

6 comentários:

margarida disse...

Amei! Tão simplesmente, isso...

Anónimo disse...

Oh Santinha... Adorei este texto! Faz qualquer solteirona saltar da cadeira... Tens alma, tu....

Graça disse...

Lindo!!Fiquei sem palavras.
Graça Vasconcelos

Anónimo disse...

Muito bonito. Adorei!
Bj. Ágata

BlueVelvet disse...

Lindo texto.
Quase um poema.
Beijinhos

Kat disse...

São estes e muitos mais textos como estes que andam retidos nessa cabeça loira. Abre a tua mente e deixa-os voar, sem medos, sem constrangimentos, sem inseguranças.
Kat

Blog Widget by LinkWithin