Grafia

A Autora deste Blogue optou por manter na sua escrita a grafia anterior ao Novo Acordo Ortográfico.

quinta-feira, 15 de julho de 2010

Pensamento Estúpido # [27], com questões variadas

A partir do momento em que pomos as nossas palavras no mundo cibernáutico temos de ter muito mais cuidado com o que dizemos. E pensamos. Ou não? Podemos continuar a dizer tudo o que nos dá na bolha? Corremos o risco de afastar os nossos seguidores? E os comentadores? É impressão minha ou toda a blogosfera está de férias? Sou só eu que me sinto desamparada quando escrevo dois ou três posts de seguida e não recolho nem 1 comentário? Fico sem saber se o que escrevi é completamente estúpido, banal, mal escrito ou se o tempo é que não permite que se percam minutos a comentar. Quão estúpidos são estes meus pensamentos?

8 comentários:

Gonzoc disse...

sabes que sou muito comedido nos comentários, muito embora seja "fiel seguidor" do teu blog.

"deu-te na bolha" ou "na veneta#

veneta [';ne]
nome feminino
1. fúria repentina
2. acesso de loucura
3. telha, mania, tineta;
dar na veneta vir à ideia, resolver, decidir
(Do fr. venette, «medo»)

lol

siga para bingo

Mr. Me disse...

Pois olha, eu cá escrevo tudo o que me apetece. Aliás, é essa a ideia do meu blog. Poder dizer e desabafar tudo o que me vai na alma... Sejam pensamentos parvos ou cheios de sabedoria.

Por acaso até tenho tido cada vez mais comentadorAs e é obvio que faz mais sentido escrever para alguém ler... Mas o essencial é escrever... :)

Beijoca

amnésia disse...

Apesar de escrever muita parvoice no meu blog confesso que também me preocupo, acho que no fundo tem a ver com a maneira de ser de cada um, há que se preocupe, há que não ligue.

Quanto aos comentários parto do principio que há muita gente como eu, que sigo muitos blogs mas raramente comento. O Vekiki projects é um bom exemplo, apesar de "passear" por aqui muitas vezes acho que é a primeira vez que comento.


ah! já me ia esquecendo, gosto muito de passar por aqui :-)

Cenourit@ disse...

Também já cheguei a pensar o mesmo, mas no milésimo de segundo seguinte "despensei", que é o mesmo que dizer não liguei. Até porque eu leio muitos blogs, o teu inclusivé, mas nem sempre me apetece comentar.
Na Tasca, vou tendo os meus "clientes" assíduos, umas vezes comentam, outras não, mas sem dúvida que uma palavrinha deixada por quem nos lê aumenta a nossa vontade de continuar a escrever, divagar ou mesmo brincar.
O conteúdo da escrita, passa pelo que nos vai na alma no momento e sabe tão bem escrever... mesmo que ninguém nos leia...

Vou continuando a passar por aqui, se não comentar, não leves a mal.

Continuação de boa tarefa a engomar, eu também tenho que o ir fazer mas estou à espera que o tempo fique mais fresco. Ah! E tenho quilos de t-shirts para passar... grrrr!!!

Beijocas***

Kat disse...

Essa questão é muito pertinente e leva-me a pensar o que nos leva a nós (blogger's leitores) a comentar, ou não, os post's dos vizinhos. No meu caso é muito fácil de entender. Pouco comento. Gosto essencialmente de ler e ir "conhecendo" os donos, pelos temas, opiniões, gostos e fotos. Como não tenho muito para dizer, nada comento. Dizer, por dizer não é comigo.
Por exemplo leio diariamente o Blogue do Amnésia há mais de 3 anos e nunca comentei um único post.
Estranho, não é?
Kat

Gigi disse...

Eu não tenho o hábito de fazer comentários.
Para começar leio pouquíssimos blogues, o teu é um deles.
Depois não tenho muito tempo para comentar, muito do tempo que gasto na internet é para escrever no meu próprio blogue, onde escrevo as parvoíces que bem me apetecer e que normalmente são parvoíces que ninguém lê ou comenta.
E para finalizar sou alguém muito pouco opinativa, logo...
Sempre te achei demasiado ansiosa em receber atenção, relaxa!
E não, não escreves coisas estúpidas.

Marta disse...

olá Vera,

cheguei aqui depois de ler o teu comentário nos leitores silenciosos.
eu sou cada vez mais - estamos a falar de blogosfera - uma leitora silenciosa. não só por feitio mas, essencialmente, por falta de tempo.
às vezes comentar algo devidamente, como acho que devia ser comentado, leva paletes de tempo.
por outro lado, o nº de comentários não atesta a qualidade ou pertinência de um post. nem pouco mais ou menos!
a caixa de comentários não é nenhuma escala de valor. para mim, é apenas mais um instrumento de interacção.
claro que há comentadores extraordinários. mas, estou certa, há silêncios igualmente admiraveis.
ou de admiração.
já me aconteceu aqui.
bjo

Filoxera disse...

Acho que é geral, Vera.
De há meses para cá, noto o mesmo.
E há 2 questões a ter em conta: quanto menos comentares, menos és comentada. Quanto mais a malta se agarrar ao fb, menos tempo bloga.
Beijos.

Blog Widget by LinkWithin